HOME SOBRE CONTATO ANUNCIE

Leite é Amor

9.8.12



Hoje se eu pudesse realizar um desejo, seria de voltar no tempo e corrigir meus erros na amamentação.
Eu não pesquisei sobre o assunto, achei que seria só por ele no peito e tudo se resolveria, não estava preparada pra realidade. Eu tive fissuras, rachaduras, senti muita dor...Chorei muito!!!
O Matheus teve a pega correta (eu é que não tinha...), mas por ser menino já me falaram no hospital que mamaria muito e acabei acreditando que meu leite era pouco e com 7 dias já dei complemento para ele. Em casa o apoio também foi zero.
Eu achava que o ideal era dar de mamar de 3h em 3h, como no hospital. Que pena que não fiz a livre demanda...
Tentei dar o complemento na mamadeira e depois no copinho. Tentava dar só às vezes, mas logo estava completando cada mamada.
Antes de completar três meses chegou um dia que ele simplesmente não quis mais o peito, eu tentava de tudo e ele não queria...Chorava, esperneava, parecia sentir dor.
Lembro que passei o dia chorando e procurando uma solução na internet e assim achei a Relactação que faço até hoje (
ele completou segunda 10 meses).
Tenho contato com uma consultora de amamentação a Rosane Baldissera do Consultoria em Amamentação
Mamãe & Bebê Consultoria em Amamentação, e ela me falou que posso fazer a relactação enquanto meu filho aceitar, assim eu vou indo sem pressa para terminar!
Se eu soubesse naquela época o que sei hoje teria conseguido o aleitamento exclusivo até os 6 meses. Eu seria tão mais feliz.
Faço parte de um grupo na rede social onde diariamente vejo mães com dificuldade e junto com as demais participantes tento ajudar, dando o apoio que eu não tive.
Um sonho que ficou talvez para uma próxima gravidez foi doar leite materno. Acho um gesto muito lindo. Já até sonhei que eu conseguia!!! Tem tantos bebês precisando.
Eu tive um pouquinho só desta experiência: no terceiro dia
no hospital detectaram que o Matheus tinha amarelão, me liberaram mas ele ficou mais três dias. Neste tempo quase não sai do hospital, dormi lá pelo chão mesmo. Ia no banco de leite tirar leite e também amamentava ele sempre que possível. Aí meu leite que sobrava era doado para bebês que as mães não estavam lá pra amamentar. Lembro que me senti honrada de ajudar aquelas pessoinhas que precisavam tanto de leitinho!
Eu amo amamentar meu filho, mesmo que aquela "sodinha" fique no caminho, eu não vou desitir. Enquanto ele quiser mamar estarei aqui a disposição dele. Te amo muito meu filho, para todo sempre!!!!




Photobucket

20 comentários:

  1. Nossa, que linda experiência ter doado leite! Parabéns! Obrigada pela visita. Vou te seguir. http://coisas-da-lara.blogspot.com.br/2012/08/coisa-de-pai.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Andrea. Foi pouco mas sei q ajudei! Já estou te seguindo. Bjs.

      Excluir
  2. Oi Roberta, adorei teu relato e muito obrigada por citar meu nome!!! Adorei teu blog!! Bjs Rosane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou. Sempre te indico flor, te adoramos!!! Segue meu blog? Bjs.

      Excluir
  3. Lindo o seu relato!
    Também achava que seria fácil amamentar, mesmo tendo pesquisado bastante sobre o assunto. O começo é bem complicado... acredito que para todas. O importante é não desistir!
    Eu não cheguei a doar leite, mas amamentei uma priminha que nasceu fora de tempo e a mãe não tinha leite. Foi uma experiencia única! Tenho ela como filha também.
    Obrigada por visitar o meu blog! Estou te seguindo!!!
    Beijos
    minhamaternidade.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Paula, a sua ajuda com certeza fez diferença. Um bjão e obrigada.

      Excluir
  4. nossa roberta que lindo faço minhas suas palavras foi igual minha história mas eu desisti pois ja estava me fazendo mal todo esse desejo mas ficofelizpor vc estánesse caminho de fé e perseverança

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Eliane, eu farei enquanto for bom para nós dois. Ontem qd cheguei da aula e falei pra ele "nenezinho vem mamar" ele pulou de alegria, adora mamar. então eu não desisto. Bjão.

      Excluir
  5. Roberta, obrigada pela visita lá no blog! Já estou te seguindo!
    O início é bem complicado mesmo, ficamos completamente perdidas! Que bom que você tá fazendo a relactação e não desistiu.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Juliana . Eu amo esse guri tanto q não desisto!!!

      Excluir
  6. Ei Roberta! Obrigada pela visita. As orientações sobre amamentação são poucas né? E o primeiro filho é meio que "cobaia", mas agente vai aprendendo. Legal essa relactaçåo, nunca ouvi falar. Bj! Agora vou ficar no seu pé, rs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cobaia mesmo Andreia. Eu desscobri a relactação por graça de Deus, estava desesperada e sem apoio pra amamentar. Bjs.

      Excluir
  7. Roberta, obrigada por visitar a Mamma. Gostei muito de saber sobre relactação, nunca tinha ouvido falar. Te desejo sucesso! bjs, Juliana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb não sabia nada Juliana, mas Deus me ajudou. Pois foi minha salvação pra manter a amamentação. Bjs.

      Excluir
  8. Oi Roberta, obrigada pela visita no blog.
    Se soubessemos o que sabemos hj, tinhamos tido uma outra esperiência né? O conhecimento muda nossa visão de mundo mesmo. Tbm achei que seria fácil amamentar. Parece tão fácil né? Mas só enxergamos as dificuldades qndo vivemos e logo bate aquele desespero.
    Espero muito poder amamentar na próxima gestação.
    E vc me ensinou bastante, com a relactação, pq vc não desistiu.

    Beijos
    Vou seguir vcs e voltar aqui sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ivna. É verdade, na prática tudo é diferente. Bjs.

      Excluir
  9. Roberta,sua história é linda porque é recheada de amor, de vontade, de doação. Que bom que conseguiu reverter a situação para aquilo que acreditava: amamentar. É mesmo muito bom. Adorei sua visita no Mãe bacana. Um grande Beijo. Gisa Hangai

    ResponderExcluir
  10. Roberta a Emilly teve ictericia tb, ficou tomando banho de luz, quase morri , sofri muito na amamentação, mas tive muito apoio!!!
    Por isso acho que consegui...
    Adorei seu post, estou seguindo vc! Segue a gente também, podemos trocar experiencias!
    E te convido a falar sobre a relactação no meu blog! Não conhecia. O que vc acha? Beijos!
    http://maeparatodavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. O Matheus tb teve amarelão e acho q como dei meos de mamar naqueles primeiros 6 dias tb afetou a produção. Bjs.

    ResponderExcluir

© Odisséia Materna / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.