HOME SOBRE CONTATO ANUNCIE

Dia do Professor

15.10.12

 

Hoje comemoramos o Dia do Professor. Quem não tem um preferido e um odiado? No momento eu tenho um odiado…

Para quem não sabe eu conto: fiz Magistério então sou professora não praticante porém. Não por falta de gosto mas porque a minha acabou me levando pra outros lados. Eu trabalhei alguns anos em creches. Adorava mas o salário era baixo e o trabalho puxado. Só não tenho fotos da primeira onde fiquei só um mês.

Abaixo fotos da minha turma de 4ª série onde fiz o estágio obrigatório:

DSC04626DSC04627DSC04628

Aqui foi na creche do Hospital Santa Casa. Minha turma do MII. Amei tanto estas crianças. Lembro de todas. Fechando os olhos lembro da voz, do sorriso, do choro.

DSC04630DSC04632DSC04635DSC04633DSC04631DSC04636

A loirinha que aparece no meu colo em duas fotos (e como primeira da fila), agora tem mais de 15 anos e está com a mesma carinha (olhem a foto acima). Dá um orgulho ver o quanto ela cresceu. Já conversamos e ela não lembra de mim, tinha 3,5 na época. Ela era uma criança tida como “problema” pois não participava de nada, sempre chorava. Só que quando nos conhecemos eu me apaixonei por ela e acabei conquistando o amor dela. O primeiro sinal foi um dia quando chegou a hora de trocar a roupa pra ir embora, minha colega Cássia chamou ela e ela respondeu “a tia Roberta me troca”. Eu e a Cássia nos olhamos e não falamos nada. E dia a dia ela foi se abrindo comigo e dpeois com todos. No dia dos pais ela participou ativamente da apresentação e a mãe dela a Margareth veio chorando me agradecer. Tenho uma fotinho dela com dedicatória e sei que fiz diferença na vida dela só com meu amor.

Aqui foi na creche Bem Me Quer. Foram quase dois anos maravilhosos!!! No meu colo está o Rafael que conheci bebezinho e me chamava de “Mami” (como eu passei a chamar a minha mãe).
O moreno de bigode é o Caio. Quando conheci era um terror, na época com 4 anos (a de vermelho é irmã dele-Sofia com 3 anos, ficavam na mesma sala, ele tinha muito ciúmes dela) . Mordia todos, brigava. Eu decidi que isso mudaria. Comecei brincando separado com ele com jogos, como da memória. No início sempre que eu fingia não ver ele virava várias peças para ganhar. Eu explicava novamente as regras e dava mais uma chance, e de novo ele “roubava no jogo”. Aí eu parava e guardava, ele ficava brabo e por dias eu não jogava. E com o tempoele passou a respeitar as regras e se eu me enganava (eu fingia) que não era minha vez, ele prontamente dizia “é sim a tua vez tia Roberta”. Ele é muito inteligente. Ás vezes me tirava do sério, até de idiota me chamava. Mas mesmo assim amei muito ele. Era o filho do meio e acho que foi deixado meio de lado. quando eles estavam demais eu inventava histórias como da tumra da “Ana e Maria” (um outro dia escrevo um post sobre isso). também com amor e dedicação sei que ele mudou muito.

DSC04638

Esta foi a última que trabalhei, há quase 10 anos. A loirinha da foto é a Luiza. Um dia ela falou para mim “Obeta como tu é gande”. Achei tão lindo que nunca esqueci!. Trabalhei pouco lá pois comecei depois na área administrativo e não sai mais.

DSC04640

Muitas vezes senti falta de trabalhar com crianças pois tinha o carinho e amor delas o tempo todo e como digo “papel não dá carinho”. Quem sabe um dia eu volto, quando puder trabalhar só por prazer e não por necessidade!!!

Parabéns a todos professores. Que logo tenham seu trabalho reconhecido como lhes é merecido.

5 comentários:

  1. Muito lindo seu depoimento e seu amor pelas crianças!!! PArabéns pelo seu dia!!! bjx

    ResponderExcluir
  2. Que legal Roberta! Eu gostava dos meus professores e tem alguns que guardo no coração até hoje!
    Parabéns pelo seu dia!

    Beijo!
    Desculpa o atraso, rs.

    ResponderExcluir
  3. Que essa classe seja melhor remunerada,mais valorizada e respeitada.Parabens,bjs.

    ResponderExcluir
  4. Ai Roberta que lindo!
    Morri de saudade da minha vida de profe!

    ResponderExcluir

© Odisséia Materna / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.