HOME SOBRE CONTATO ANUNCIE

Se as coisas fossem Mães

25.10.12

Essa poesia, eu uso na contação de histórias no mês de maio, tenho lâminas que fiz com os alunos de primeira série da turma de 2005, em Cachoeira do Sul, do Colégio Imaculada Conceição. Dividi a turma em grupos, um para cada verso e então eles desenharam da mameira como entenderam. Ficou muito lindo, com a "carinha" das crianças. Aqui usei fotos particulares.


SE AS COISAS FOSSEM MÃES

 

Se a lua fosse mãe
Seria mãe das estrelas
O céu seria sua casa
Casa das estrelas belas

 

 

 

           Se a sereia fosse mãe
Seria a mãe dos peixinhos
O mar seria um jardim
E os barcos seus caminhos

 

 

 

Se a casa fosse mãe
Seria mãe das janelas
Conversaria com a lua sobre as crianças estrelas
Falaria de receitas, pasteis de vento, quindins,
Emprestaria a cozinha para lua fazer pudins!

 

 

 

Se a terra fosse mãe
Seria mãe das sementes
Pois mãe é tudo que abraça
Acha graça e ama a gente

 


 

Se a fada fosse mãe
Seria mãe da alegria
Toda mãe é um pouco fada
Minha mãe fada seria

 

 

 


Se a bruxa fosse mãe
Seria mãe gozada
Seria mãe das vassouras
Da “Família vassourada”

 

 

Se a chaleira fosse mãe
Seria mãe da água fervida
Faria chá e remédio
Para as doenças da vida.

 

 

 

 Se a mesa fosse mãe
As filhas sendo cadeiras,
Seriam bem comportadas
Teriam “boas maneiras”

 


 

Cada mãe é diferente:
mãe verdadeira ou postiça,
mãe vó, mãe tia....




                             
                                                 
                                                
Tem até pai que é “Tipo Mãe”
Esse, então, é uma beleza!

 

 

 



(Sylvia Orthof)


Mil beijocas pra todas nós, Dona Maricota Feliz!
 

___________________________________________________________________

Sobre o autor: “Mãe apaixonada. Mulher criativa. Blogueira assumida. Essa sou eu”. Assim se apresenta Cléo Moretti, proprietária do Blog Dona Maricota Feliz. l Blog l Facebook l


6 comentários:

  1. Lindooo!!!!
    Amei as fotos!!!

    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Lindo o post e o blog! Parabéns pelo Matheus! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Morrir de amores, lindissimOo!!
    bjs ♥

    ResponderExcluir
  4. Eu amo essa poesia!
    E amo muito essas crianças das fotos, kkkkk
    meus filhotes amados!!!!

    ResponderExcluir

© Odisséia Materna / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.